GuidePedia

0

Um grupo de cientistas brasileiros e americanos encontraram no Brasil uma nova superbactéria do tipo VRSA (Vancomycin Resistent Staphylococcus aureus).
Foi batizada de BR-VRSA (Vancomycin Resistent Saphylococcus aureus). Um estudo sobre a nova cepa foi divulgado no último dia 17 na publicação científica “The New England Journal of Medicine” e relata que a nova linhagem isolada no país também pode ser encontrada fora de hospitais, principal local de contaminação, e seriam transmitidas principalmente por contato com a pele.
Segundo o estudo, indivíduos saudáveis podem contrair este tipo de infecção por estafilococos, e não apenas enfermos ou pessoas com imunidade baixa. Apesar do alarme, de acordo com a pesquisa, como existe apenas um caso documentado infecção, é cedo para dizer se a superbactéria pode ser considerada uma ameaça.

A pesquisa foi liderada por Cesar Arias, da Centro de Ciências da Saúde da Universidade do Texas, em Houston, e teve coautoria de Flávia Rossi, diretora médica do Laboratório de microbiologia do Hospital das Clínicas, em São Paulo.

Apesar do risco da bactéria mostrado pelo estudo, conforme os cientistas como ainda há apenas um caso de infecção não haveria ameaça.  O caso comprovado foi o de um homem de 35 anos que estava internado no Hospital das Clínicas de São Paulo.
Os pesquisadores alertaram que o homem não teria morrido por causa da bactéria, mas por causa de complicações médicas. A causa da preocupação é que a bactéria seria de uma família que não é associada ao ambiente hospitalar, mas à comunidade em si. E por fim, há um tratamento contra ela, porém é mais caro do que aplicar apenas vancomicina.

                                                                                                                              Fonte da imagem: (Veja)

Postar um comentário Blogger

 
Subir